Resenha #7: Dois Garotos se Beijando, de David Levithan

Título: Dois Garotos se Beijando
Autor(a): David Levithan
Editora: Galera Record
Páginas: 222
Sinopse: O livro segue os passos de Harry e Craig, dois jovens de 17 anos que estão prestes a participar de um desafio: 32 horas se beijando para figurar no Livro dos Recordes. Enquanto tentam cumprir sua meta — e quebrar alguns tabus —, os dois chamam a atenção de outros jovens que também precisam lidar com questões universais como amor, identidade e a sensação de pertencer.









"Se você se livrar de toda a merda idiota e arbitrária com a qual a sociedade controla a gente, vai se sentir mais livre, e, se você se sentir mais livre, vai se sentir mais feliz." - Dois Garotos se Beijando, David Levithan


Não escondo de ninguém o quanto sou fã dos livros do David Levithan. E esse foi mais um em que ele não decepcionou e apresentou não só uma leitura totalmente diferente das que fiz em 2015, como também uma discussão sobre assuntos relevantes em meio a um história encantadora.

O livro é narrado por espíritos que morreram em virtude da AIDS. Esses espíritos transmitem suas experiências dentro dos momentos vivenciados pelos personagens. Pode não parecer, mas isso torna o livro ainda mais crítico. Espíritos que viveram no século passado, comparam suas experiências e nos fazem perceber que mesmo havendo uma pequena melhora no mundo, falta ainda muito mais. Nos faz ter esperança de conseguir mais.

"Desde o começo, todos dizem que não vai durar. Mas agora, mesmo que não dure para sempre, parece que durou o bastante para ser importante." - Dois Garotos se Beijando, David Levithan

O livro não possui uma separação de capítulos, abordando várias perspectivas ao longo da leitura. Cada uma delas trata de um adolescentes e seu convívio diário. A hesitação de quem realmente são, a insegurança, os julgamentos, o medo viver, o medo de amar. Há tantas coisas em meio ao ato principal do livro, em meio a dois garotos se beijando. É muito mais do que quebrar um recorde, se trata de um ato de coragem, de mudança.

A história é bonita, sensível. É real. A crítica é real. É uma história que te deixa vulnerável, que te faz parar para pensar. Fez com que parasse para me perguntar o tempo todo, se mesmo achando o preconceito errado, fazemos realmente algo para mudá-lo. 

"As pessoas gostam de dizer que ser gay não é como a cor da pele, não é uma coisa física. Elas dizem que sempre temos a opção de esconder.  Mas, se isso for verdade, como é que eles sempre nos descobrem?" - Dois Garotos se Beijando, David Levithan


É impressionante como David Levithan constrói seus enredos. É impossível não se apegar aos personagens, não sentir por eles. Não torcer por eles. São garotos diferentes com as mesmas dificuldades: crescer em uma sociedade que julga e oprime os que são diferentes.

Esse livro se tornou um dos meus favoritos. É aquele tipo que você lê e pensa: todos deveriam ler esse livro. Eu me sinto privilegiada por lê-lo, porque embora você que lê não seja gay, você sabe que existem outros preconceitos além desse. E sabe, que deve fazer o que pode para que seja diferente.

A liberdade não é só uma questão de votar e casar e beijar na rua, embora todas essas coisas sejam importantes. A liberdade também é uma questão do que você vai se permitir fazer. - Dois Garotos se Beijando, David Levithan



Quotes Perdidos

Norte riograndensse, blogueira por amor ao livros. Curte séries tanto quanto ama terror. Um bom drama vale a pena e nada melhor que um filme junto com um friozinho. Prazer, pode me chamar de Andy.

18 comentários:

  1. Oieeee..
    gente, pela quantidade de marcações do livro percebe-se que ele se tornou um dos favoritos.
    Esse livro deve ser fantástico!

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Gente eu não marco meus livros rs.
    Mas depois de Will & Will, Levithan super me conquistou.
    Beijos.
    http://reinoliterariobr.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Levithan é responsável por acabar com todo o meu estoque de marcadores quando vou ler os livros dele, haha!

      Abraços da Andy *-*

      Excluir
  3. Amei sua resenha, e o livro parece ser muito bom, já vou colocar na minha lisitinha ><

    Beijinhos ;**

    ResponderExcluir
  4. Olá linda,

    Esse livro deve ser aquele que nos marca do título até os personagens secundários. Que traz uma lição que mais é um tapa na cara da sociedade que continua impondo padrões sociais e morais e fazendo da Humanidade, um celeiro de preconceitos e crueldades.

    Beijos!
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Estou nesse momento com o livro Todo Dia do David Levithan para começar. Espero que goste do autor porque só vejo muitos elogios. Curiosa. Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oieee!
    Tenho muita curiosidade nesse livro.
    Ele é lindo e pelo tanto de passagens que você marcou e pelo que falou a vontade de ler só triplicou.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  7. Nossa, quantas marcações! Eu estou numa fase de ler livros de suspense e mistério, então não leria agora.
    Bjs, Isa
    http://pausaparaconversa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiiie,

    Quantas marcações heim? Mas sinceramente a premissa desse livro não me chamou a atenção em nada, e pois acho que não leria. Mas adorei o azul da capa.

    Bjs

    ♡ Amantes da Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando li a premissa também não me chamou atenção, mas quando comecei a ler não consegui largar. Vale o risco.

      Beijos da Andy *-*

      Excluir
  9. Oi
    Eu sempre quis ler esse livro, o enredo me chama muito a atenção e ficar sabendo que David constroi bem o enredo já me deixa mais animada ainda!! E no fundo, eu acho que mesmo achando o preconceito errado, muitas vezes a gente não faz nada para mudá-lo. Vemos pessoas sendo preconceituosas e muitas vezes, não dizemos nada, quando deveríamos.
    Enfim, ainda é um livro que eu quero MUITO!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  10. Oi Andy,
    Tempos atrás tentei ler um livro do David em parceria com outra autora e detestei a narrativa e os personagens e a história fraca. Abandonei no meio porque não consegui nem finalizar de tão péssimo que achei alguns momentos.
    E não é pela temática, até porque meu personagem favorito era o Ely e ele é muito incrível ( Naomi e Ely e a Lista do Não Beijo).
    Desde então tenho andado com um pé atrás nos livros dele.
    Sua resenha me deu aquele sacode necessário, de que as únicas partes boas naquele livro, foram escritas pelo David.
    Adoro esse livros que causam reflexão, muitas vezes acompanham mudanças e se cada pessoa fizesse sua parte, mudaríamos esse mundo por vezes cruel e preconceituoso.

    Abraços e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natasmi, tudo bem?
      Recentemente tinha lido Garoto Encontra Garoto dele e detestei também, mesmo sendo um dos meus autores favoritos. Fui pra esse livro sem nenhuma expectativa e mudou minha cabeça de tal forma que paro pra pensar nele e ainda fico sem palavras. O livro me fez perceber que muitas vezes reclamamos do preconceito, das coisas erradas e não fazemos nada para melhorar. Foi sensacional!

      Beijos da Andy *-*

      Excluir
  11. Para tudo!!!!! Um livro que traz uma reflexão dessas, ainda é espírita? Eu já tinha ouvido muito falar sobre ele mas não sabia desse detalhe! Deve ser um livro marcante da primeira a ultima página!! Quero muitoooo! Bjosss


    http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Esse livro tá parato aqui um tempão, depois da sua resenha fiquei com muita vontade de ler ♥ ♥ vou dar uma chance pra ele ein! adorei o seu blog, que layout lindo! e estou seguindo, poderia seguir de volta? ♥ http://www.dearmaidy.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Yara, ficou muito feliz que tenha gostado daqui. O seu é tão lindo quanto, já estou te seguindo ♥

      Beijos da Andy *-*

      Excluir
  13. Quero muuito ler esse livro mas ainda não li Will e Will, quero lê-lo primeiro :)
    www.blogspot.com.br/coiisadeana

    ResponderExcluir
  14. O livro parece mesmo fantástico e você com certeza amou, mas por agora não rola ler. rs Muito livro na frente.

    bjuhs

    Blog:http://ossegredosdoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir