Livros que enrolei o ano todo e não li


Oi meus amores, tudo bem com vocês? O final de ano chegou e só faltam quatro dias para darmos saudações a um novo ano. Com isso, a quantidade de livros lidos é enorme, mas a quantidade de livros não lidos é maior ainda. Fazer o que, né? Rola aquela vergonha básica, mas a gente segue em frente.

E sabe o que isso me lembra? Aqueles livros que comprei com uma ansiedade maior que tudo para ler, quando chegou quase tive um filho de alegria, mas ler que é bom nada. Enrolei, enrolei, enrolei mais um pouco e agora, no fim do ano, vim contar para vocês que não li. 



Com uma narração intrigante, não-linear e uma prosa magnífica, Caitlín vai moldando a sua obsessiva personagem. Imp é uma narradora não-confiável e que testa o leitor durante toda a viagem, interrompe a si mesma, insere contos que escreveu, pedaços de poesia, descrições de quadros e referências a artistas reais e imaginários durante a narrativa. Ao fazer isso, a autora consegue criar algo inteiramente novo dentro do mundo do horror, da fantasia e do thriller psicológico.
Vi ele na estante, olhei a lombada, achei bonitinha, virei, peguei outro livro e li. Esse ciclo se repetiu o ano todo, então não tenho uma justificativa plausível para não ter me arriscado na narrativa.




Quando a realidade torna-se brutal demais para uma garota de 18 anos, ela é hospitalizada. O ano é 1967 e a realidade é brutal para muitas pessoas. Mesmo assim poucas são consideradas loucas e trancadas por se recusarem a seguir padrões e encarar a realidade. Susanna Keysen era uma delas. Sua lucidez e percepção do mundo à sua volta era logo que seus pais, amigos e professores não entendiam. E sua vida transformou-se ao colocar os pés pela primeira vez no hospital psiquiátrico McLean, onde, nos dois anos seguintes, Susanna precisou encontrar um novo foco, uma nova interpretação de mundo, um contato com ela mesma. Corpo e mente, em processo de busca, trancada com outras garotas de sua idade. Garotas marcadas pela sociedade, excluídas, consideradas insanas, doentes e descartadas logo no início da vida adulta. Polly, Georgina, Daisy e Lisa. Estão todas ali. O que é sanidade? Garotas interrompidas. 
De todos os livros dessa lista, esse foi o que mais enrolei sem dúvidas. Meu interesse nele surgiu devido ao filme, mas baixei ele em ebook, não li. Comprei o livro físico, também não li. O livro parece ser bem pesado, então me desanimou um pouco. Espero que próximo ano a leitura consiga fluir.




Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam.

Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável.

Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois.

Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre.
Não sei direito o porquê, mas tenho um certo receio de ler esse livro. Inclusive, esse ano, coloquei ele em um desafio literário para tentar dar aquele gás na leitura, mas nada saiu do lugar infelizmente. Se você já leu, me conte aqui nos comentários se é bom, por favor.




Lucie Walker não se lembra de quem é ou como foi parar nas águas geladas da Baía de São Francisco. Encaminhada para uma clínica psiquiátrica, ela aguarda até que um homem chega afirmando ser seu noivo. Entretanto, com seu retorno para casa, essa mulher sem memória vai tomando conhecimento de sua personalidade antes do acidente, da pessoa controladora, fria e sem vida que era, e dos segredos da infância e da família, assim como da situação do noivado e dos mistérios que podem ter provocado o acidente.
Quando comprei esse livro, não era muito aberta a ler sinopses, ainda não sou. Acabei ficando super empolgada com o título e a capa. No entanto, quando fui adicionar o livro ao Skoob, vi que a nota não era tão boa e acabei me desanimando um pouco. Mas prometo ler próximo ano.




Ed Kennedy leva uma vida medíocre, sem arroubos. Trabalha, joga cartas com cúmplices do tédio, apaixona-se por uma amiga que dorme com todos os vizinhos do subúrbio e divide apartamento com um cão velho. O pai alcoólatra morreu há pouco; a mãe parece desprezá-lo.

Certo dia, ele impede um assalto a banco e é celebrizado pela mídia. O ato heróico tem conseqüência. Logo depois, Ed recebe enigmáticas cartas de baralho pelo correio: uma seqüência de ases de ouros, paus, espadas, copas, cada qual contendo uma série de endereços ou charadas a serem decifradas. Após certa hesitação, rende-se ao desafio. Misteriosamente levado ao encontro de pessoas em dificuldades, devassa dramas íntimos que podem ser resolvidos por ele. Uma mulher é estuprada diariamente pelo marido, enquanto uma senhora de 82 anos afoga-se em solidão, à espera do companheiro, morto há mais de meio século.

A ele parece caber o papel do eleito, do salvador. Convencido disso, segue instruções e se perde entre ficções de estranhos e sua própria, embaçada, realidade. A certa altura pergunta-se: "Eu sou real?"
Confesso que comprei esse livro sem saber de nada, apenas pelo autor, me julguem. Já vi algumas resenhas bem positivas sobre ele, mas ainda não me empolguei o suficiente para iniciar a estória. Espero que a empolgação venha logo! 

Quotes Perdidos

Norte riograndensse, blogueira por amor ao livros. Curte séries tanto quanto ama terror. Um bom drama vale a pena e nada melhor que um filme junto com um friozinho. Prazer, pode me chamar de Andy.

23 comentários:

  1. Nossa!!!! Eu simplesmente amei O Mensageiro, a narrativa é totalmente diferente de A Menina que Roubava Livros, mas é uma história que faria muito sucesso nas telas, o ritmo é bem cinematográfico, amei, amei, amei!!! Quanto a O Melhor de Mim, é um daqueles raros casos em que o filme supera o livro. E olha que sou fã do Sr Sparks, mas achei a narrativa meio lenta, só mais perto do final que as coisas fluem melhor, mas o filme é excelente!!! Beijo,beijo.
    www.ameninaquenaoparadeler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa!!!! Eu simplesmente amei O Mensageiro, a narrativa é totalmente diferente de A Menina que Roubava Livros, mas é uma história que faria muito sucesso nas telas, o ritmo é bem cinematográfico, amei, amei, amei!!! Quanto a O Melhor de Mim, é um daqueles raros casos em que o filme supera o livro. E olha que sou fã do Sr Sparks, mas achei a narrativa meio lenta, só mais perto do final que as coisas fluem melhor, mas o filme é excelente!!! Beijo,beijo.
    www.ameninaquenaoparadeler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá! Poxa, que pena que não conseguiu dar continuidade a essas leituras (mas aqui entre nós,confesso que também abandonei alguns livros nesse 2015, lágrimas HAHAHAHA). Os livros do Nicholas Sparks são um verdadeiro porre, pelo menos em minha opinião, já que não curto tanto romances água com açúcar. Pretendo ler O Mensageiro em 2016 e espero que você também o leia, parece um bom livro! Adorei o blog,
    MIL BEIJOS!

    http://www.livrologias.com/

    ResponderExcluir
  4. O único da sua lista que eu não leria nem sob ameaça de morte é o do Nicholas Sparks (não me matem!). Já assisti filmes, já dei chance aos livros, mas… nossa, não consigo gostar da escrita, das estórias, de nada.
    Eu já li A Menina Submersa e gostei, embora estivesse esperando amar. Mas vou relê-lo porque li em um momento não muito bom, o que pode ter influenciado na minha avaliação.
    Os outros livros eu ainda não li, embora já tenha ouvido falar de todos.
    Sobre os meus não lidos de 2015, bem… é melhor deixar quieto…

    Bjs e boa sorte na leitura em 2016.

    www.delirioselivros.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá linda,

    Sempre tem aqueles livros que parecem que viraram encostos em nossas vidas haha
    Morte Súbita foi um kkk....já tentei ler mais de 5 vezes e não flui de jeito nenhum.

    Esse ano deixei uns 3 livros para trás devido não está em sintonia com a história.

    Beijos!
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Nossa, essa postagem me representou pacas. Estou com quase livros que enrolei e não li #vergonha alguns eu comprei e outros de parcerias :(

    ResponderExcluir
  7. Oiee...
    Já li garota interrompida e I melhor de mim há algum tempo já, e ambos eu adorei..
    Tenho muita vontade de ler enquanto eu te esquecia, essa capa é linda..
    Também estou finalizando 2015 com muitas leituras pendentes, fazer oq é a vida.. rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. O Melhor de Mim é perfeitooooo! <3 Eu amo esse livro, é um dos meus preferidos do Nicholas e chorei tanto, tanto, tanto!!!! No filme também, claro. rs Leia, leia, se vc gosta de histórias mais sensíveis, vai curtir.
    Eu Sou o Mensageiro é outro maravilhoso! <3
    Enquanto Eu Te Esquecia também enrolei e acabei não lendo. Consegui ele numa troca, estava naquela vibe de animação pra ler e... não li. Fica para 2016. \o/
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
  9. Esse ano consegui ler quase tido que comprei, o único que estou enrolando é a saga encantada que vai ficar para 2016.
    Eu li o livro do Nicolas Sparks e te aconselhou a enrolar mais um pouco...oh livro chato e arrastado. Pelo menos para mim!/Raras
    Um beijo
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  10. Oie,

    Vergonha tenho eu de falar quantos livros li esse ano, e a maior parte foi há uns 3 ou 2 meses que eu tive um gás a mais para ler. O Melhor de mim o único livro que eu tenho na estante eu comecei a ler numa maratona, mas depois não foi parei e até agora ele está esperando ser lido. Ainda não criei coragem e vergonha na cara de ir lê-lo.

    Bjs
    Mayla

    http://meulivromeutudo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi ❤
    Gente amei esse post, me vi muito nas suas linhas.
    Comprei muitos livros esse ano e ficava ansiosa pela sua chegada e quando chegaram coloquei na estante e não li.
    Dos que você queria ler e não leu, tive a oportunidade ler de Enquanto eu te esquecia, gostei mas não foi aquele livro que me surpreendeu, que fez eu me apaixonar.
    Espero que no próximo ano consiga cumprir suas metas :)

    Abraço e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
  12. Ei!
    Bobeira se te julgarem.. todos têm que concordar: a capa de O mensageiro é demais! O livro talvez hahaahahah Ei, melhor coisa que você fez foi NÃO TER PEGADO O melhor de mim........ nossa, que preguiça que me deu. Fica como conselho!
    bjsss
    Feliz ano novo!!
    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor, tudo bem?
      Vocês me deixam louca falando de "O Melhor de Mim", uns falam que é bom outros que é ruim, já tô ficando perdida haha. Estou querendo ler só para tirar minhas próprias conclusões e ver com quem concordo.

      Beijos,
      Andy!

      Excluir
  13. Também não li nenhum desses livros e eles não estão na minha lista de possíveis leituras, mas espero que você se inspire e leia todos.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Me vejo na sua lista rsrsrs, só que meus títulos são outros, tenho uns livros que estou enrolando a leitura a 2 anos quase. São eles A Profecia do Paraíso, O Bicho-da-Seda, Amor cruel, A Estrela, estes são os mais que passo longe da minha estante, sem contar os quase 50 esperando na fila rsrsrs.
    Bjin
    http://reinoliterariobr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Flor!
    Mentira que você não leu " O Melhor de Mim"? Esse livro é lindo e triste assim como os outros livros do Sparks, mas é um livro tão lindo e com uma lição mais linda ainda.
    Estou ansiosa para ler "A Menina Submersa" e não vejo a hora de poder compra-lo. "Garota Interrompida" é um livro que me chamou a atenção, mas acabei passando a leitura por ser pesado, mas espero que no próximo ano eu leia.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amor, tudo bem?
      Sempre fico dividida para ler "O Melhor de Mim", enquanto uns me falam que é maravilhoso outros me falam que é uma leitura bem lentinha, acho que por isso não li ainda. Mas lerei próximo ano com certeza.

      Beijos,
      Andy!

      Excluir
  16. Olá, que pena que você não leu os livros ainda, eu também nunca li nenhum desses mas todos me parecem muito bons. Eu tenho uma lista infinita de livros que só enrolei! hahahah nem sei quantos entrariam se eu fizesse kk

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  17. Olá Andy,
    Enquanto te esquecia esta na minha estante, mas não consigo ler, coloquei ele em um desafio mas nem assim, eu sou o menssageiro abandonei, não tive paciência

    Minha estante também esta repleta de livros que tinha que ler mas não li, mas vou inclui-lo na meta de 2016 e quem sabe

    Beijokas

    ResponderExcluir
  18. Dos livros citados, só li enquanto te esquecia. Arrisquei a leitura por causa do titulo e da capa e confesso que não foi uma leitura ruim, mas faltou alguma coisa. É só o que me lembro do livro...rs
    Dos outros, tenho o do Nicholas mas também não li. Faz tempo que não leio um livro do autor e nem sei por que continuo comprando. acho que é meio que uma mania já que tenho varios livros dele na estante...rs
    Enrolei com vários livros esse ano também, alguns até coloquei como meta no skoob e mesmo assim não consegui concluir :(
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  19. Olá, tudo bem?

    Eu não acredito que você enrolou o ano inteiro para ler A Menina Submersa. Faz tempo que estou querendo ler esse livro, mas estou sem dinheiro pra comprar. Vi muitas pessoas falando super bem dele, amo essa capa. Sobre os outros livros, já ouvi falar, mas não tenho MUITO interesse.

    http://desencaixados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi
    Fico aqui pensando nos mil livros que enrolei o ano todo e não li ahhahaha
    Eu queria muito ler a menina submersa também, mas não tenho o livro, então tudo bem. Queria ler Enquanto eu te esquecia e fiquei enrolando também, apesar dessa capa lindinha! Agora, tio nick eu enrolo até os confins do universo, não sou muito chegada na escrita dele!
    Espero que 2016 a gente enrole menos neh!? hahahah OU não!
    Beijos

    LuMartinho | Face | Sorteio de Natal

    ResponderExcluir
  21. Oi, nunca li nenhum desses livros que você enrolou, mas gostei muito de A garota submersa. É da Dark side Books! Não enrole tanto assim, o livro parece ser ótimoooooo! Quero resenha logoooo!

    HTTP://PORREDELIVROS.BLOGSPOT.COM

    ResponderExcluir